Sobre saudade, vida e muitas, mas muitas dúvidas mesmo

Saudade, a maior prova que a ausência incomoda mais que a presença. Tenho dúvidas se ela é boa ou ruim. Saudade é não ter mais algo bom. Ninguém sente saudade de uma doença. Mas, ao mesmo tempo, se você sentir falta de algo é porque você pôde desfrutar, ao menos um pouco, disso. Nem todos têm esse privilégio.

Photography: Jacob Rohde

Passei uma parte de minha pouca existência tentando entender a vida, mas depois percebi que seria impossível, afinal só tenho uma. Foi aí que resolvi apenas sentir, deixei a parte chata para filósofos e afins, nunca estive disposto a fazer o trabalho sujo.

Photography: Jacob Rohde

Hoje, a saudade que sinto também me assusta. Tenho medo de quando envelhecer sentir apenas uma fagulha de algo flutuar pelo meu corpo marcado pelo tempo e me causar um incomodo. Tenho medo de não se lembrar do que sinto saudade. Na verdade, de quem.

Photography: Jacob Rohde

Já me disseram que um verdadeiro amor jamais esquecemos. Mas não me disseram se isto também serve para quando esse “verdadeiro amor” não está mais conosco. Ou foi substituído. É possível substituí-lo? É possível ter mais de um verdadeiro amor? A lembrança da saudade de um verdadeiro amor sobrevive ao cotidiano de uma ou outra vida a dois?

Photography: Jacob Rohde

Não quero esquecer que sinto falta do rosto dela, de nossas risadas e do jeito que ela esfregava os pés em minhas pernas enquanto assistíamos Dowton Abbey. Nem do jeito irresponsável que ela dançava. Talvez querer isso seja egoísmo, mas que se foda é o egoísmo que nos mantém vivos, desde que em doses normais.

Photography: Jacob Rohde

Eu falei que tinha desistido de entender essas coisas da vida e comecei a senti-los, mas acho que já estou sentindo coisas demais. Preciso rever meus conceitos… ou não.

ESCRITO POR:
Bruno Farias  é estudante de jornalismo que tentava entender a vida, mas depois que percebeu que só tinha uma desistiu. Ou fingiu desistir. Ele é geminiano, então, para ele, essa é só mais uma questão mal resolvida.
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um Comentário: