Encape-se!


Solange Knowles
Se Solange Knowles arrebatou nossos corações usando aquele vestido de noiva com capa que foi desenhado por Humberto Leon – da Kenzo e Opening Ceremony – e o macacão desenhado por Stéphane Rolland, a tendência das capas, que já tem conquistado todo mundo, virou desejo instantâneo quando foi desfilada na semana de alta costura – Verão 2015, onde esteve presentes nas coleções de Valentino, Zuhair Murad, Alexandre Vauthier, entre outros e reapareceu na noite de domingo passado (8) nos palcos do 57º Grammy Awards, mostrando que esta tendência pode voltar e permanecer ainda por muito tempo. 


Desfile

Desfile

Beyoncé escolheu um vestido do Roberto Cavalli Atelier, que tinha a capa feita do que parecia ser tule, para fazer sua apresentação em homenagem a Selma cantando sua versão de “Precious Lord”, enquanto Katy Perry escolheu um vestido bastante similar ao que a irmã mais nova de Beyoncé, Solange usou em seu casamento. O modelo escolhido por Katy para interpretar “By the Grace of God” foi um Valentino Haut Couture.

Beyoncé cantando sua versão de “Precious Lord” no Grammy

Katy Perry durante a perfomace “By the Grace of God” no Grammy

Capas – ou mantos – são usadas desde o inicio dos tempos principalmente por sua praticidade e simplicidade de confecção, muito mais por utilidade do que por tendência. Longas capas eram populares tanto para homens quanto para mulheres entre o século XVI e XVII. Durante o século XVIII as capas eram parte comum das vestimentas das mulheres britânicas, o manto mais popular era o Cardinal que tinha touca e era bastante comum na cor vermelha. A partir de 1800 as meninas mais jovens passaram a preferir xales e casacos no estilo pelisse, sendo assim, apenas as mulheres mais velhas continuaram usando as capas. As capas foram tão usadas pelos britânicos que era até considerada vestimenta tradicional e – quem diria – também era usada em casamentos, nesses casos os mantos eram forrados com seda.

Mas não se engane pensando que isso é coisa de tapete vermelho, as capas podem – e devem – ser usadas no dia a dia, por nós meros mortais. Ela já tem aparecido bastante no “look do dia” de muitas das maiores blogueiras e estado bastante presente nos street styles por todo o mundo.




Se você também está gostando da ideia dessa tendência, procure investir nas cores mais sóbrias e neutras – preto, branco, cinza – e tons de terra que também têm sido muito usadas. Modelos mais curtos – não precisa realmente ir até o pé, né?! – substituem a jaqueta ou até pode ser usada por cima de uma. 

Apesar de a tendência ter sido apresentada nas passarelas para o verão 2015, nós sabemos que aqui no Brasil não tem nem possibilidade de usar algo assim no verão, então estamos esperando ansiosos para poder colocar essa tendência em prática e.... Que venha o frio!

Em tempos de discussões de igualdade entre os sexos, deixo a pergunta para os meninos: Pra vocês, essa moda pega?

ESCRITO POR:
Carolina Elizabeth, que tem tentado bastante entender como funciona essa vida de adulto - e não tem se dado muito bem com isso -, também acha que a internet é uma das melhores coisas inventadas pelo homem e encontra nela a “sala precisa”, para escapar da realidade e fazer o que realmente gosta, escrever. Aqui no About Jovem ela escreve principalmente sobre moda mas pode acabar dando pitacos em outros assuntos também, afinal ninguém é de ferro!
http://facebook.com/elissandroo  https://twitter.com/elissandroo 
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um Comentário: