Minha amiga começou a namorar e se distanciou. O que eu faço?


"Minha melhor amiga começou a namorar pela primeira vez no final do ano passado e está se distanciados de todos. Sempre que combinamos de sair, convidamos o namorado dela também, mas eles nunca vão! Ele também se afastou de todos os amigos. Tento conversar com ela, só que ela sempre acha ruim. O que eu faço?"
Pergunta enviada por T. S. 17 anos


 
 Caio Hillfiger: Dê um tempo a sua amiga! É normal que a sua melhor amiga queira passar mais tempo com o namorado no início do namoro e, por isso, acabe se afastando das amigas. Namoro é assim mesmo! Tente pensar que isso não é o fim do mundo. É claro que , por um tempo, você vai sentir falta da sua amiga. Mas, depois, essa magia do casal deve diminuir e essa fase vai passar. O que você não pode fazer é restringir, proibir, e cobrar a amiga porque a sua pressão pode afastá-la ainda mais. Procure apoiá-la. Pense que hoje é ela, mas amanhã pode ser você a garota que estará louca pelo namorado novo e não vai querer se desgrudar dele!



Larissa Cavalcanti: Sempre ouvimos questões como essa de pessoas que começaram a namorar e se afastaram até mesmo dos melhores amigos, o que é isso? um processo natural! cada um dentro da sua própria subjetividade age de forma diferente diante das questões da vida, um relacionamento de uma pessoa que já tem maturidade suficiente pra lidar é diferente do relacionamento de um casal novo, que ainda estão descobrindo esse novo mundo. O melhor a fazer é abrir mão, deixar que eles por sí só descubram tudo sobre essa nova fase e até mesmo descobrir que não vale a pena abandonar os antigos amigos por um cônjuge. Um primeiro relacionamento é cheio de vontades, de descobertas... digamos que vão com "muita sede ao pote" e então se mantém em atitudes como esta. Nada melhor que deixar o mundo e as situações os ensinarem como agir! E não se preocupe, quando você menos esperar, eles irão te procurar pra contar sobre a experiencia e que agora aprenderam como agir, mesmo que para essa descoberta precise passar por mais de um relacionamento!



Lincoln Tesser: Do amor é dificil entender, dizemos que até os mais especialistas sobre o assunto não se dão muito bem. Agora de amizade todos entendem, é igual ser criança, brincar, brigar, desculpar e amar um ao outro sempre. Podemos afirmar que pra criança não tem diferenças e que um namoradinho(a) não irá retirar a felicidade e o companheirismo de um amigo. Quando crescemos perdemos esse dom, trocamos pessoas que nos dava valor em um piscar de olhos. Não cometa o mesmo erro e ame, ame muito. Como se fosse uma criança. Seja e pessoa um amigo(a) ou um namorado(a), não se esconda de ninguém, precisamos de pessoas em nossas vidas. Multiplique o amor.




Amanda Silveira: Fale com ela e seja legal com ele. Querida T.S., nesse momento, tente ter mais paciência! Daqui a pouco, sua amiga e o namorado vão perceber que precisam voltar a dar atenção aos amigos. Enquanto isso, seja legal com o cara e ganhe a confiança dele. Assim, o garoto talvez não fique tão enciumado quando vocês quiserem fazer algo juntas. Seria legal também conversar sozinha com sua amiga. Se ao vivo não está rolando, vale tentar por mensagem de texto, WhatsApp, Facebook, Skype ou mesmo telefone. Diga o que você está sentidocom carinho: lembre-se de que ela está experimentando um namoro pela primeira vez e não tem experiência em lidar com essa situação! 





Gabriel Amorim: Bem eu dou muito valor aos meus amigos, portanto quando namoro com alguém tento sempre manter equilibrado o tempo que passo com a garota e com os meus amigos... Não me afasto de maneira alguma, pois uma das coisas que eu mais gosto de fazer é sair com meus amigos. Claro que a proporção diminui quando se está namorando, mas concilio o namoro com as amizades numa boa. Assim, quando o namoro termina tenho os meus amigos comigo para me apoiarem!



Letícia Borges: Bem, quando eu comecei a namorar, também ouvi um monte de reclamações das minhas amigas. Claro que eu não gostava, mas foi melhor assim: eu simplesmente ainda não tinha percebido que estava deixando a galera de lado! Então, reúna outras amigas que também se incomodam com o afastamento e, juntas, conversem com ela. Quando várias pessoas mostram que estão sentido o mesmo, aquele ponto de vista fica mais convivente. Assim, sua amiga vai perceber que todos sentem falta dela e que o que está rolando não é só um ciuminho seu. Depois, tente negociar com ela: talvez, combinando antes, sua amiga consiga reservar um dia da semana para sair só com vocês!


Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um Comentário: